“Experiências exitosas no cuidado de enfermagem a pessoas com Diabetes Mellitus” são apresentadas aos alunos do Grupo UniEduK

“Experiências exitosas no cuidado de enfermagem a pessoas com Diabetes Mellitus” são apresentadas aos alunos do Grupo UniEduK

Palestra online foi ministrada pelas enfermeiras Rebecca Ortiz La Banca e Gabriela Cavicchioli para alunos do curso de Enfermagem da UniFAJ e UniMAX. Elas trouxeram as melhores práticas no contexto mundial

 

O curso de Enfermagem do Grupo UniEduk (UniFAJ e UniMAX) propiciou aos estudantes dessa área a oportunidade de conhecerem as “Experiências exitosas no cuidado de enfermagem a pessoas com Diabetes Mellitus. Para isso, foram convidadas as enfermeiras Rebecca Ortiz La Banca e Gabriela Cavicchioli.

Rebecca também possui pós-doutorado e é pesquisadora no Joslin Diabetes Center, afiliado à Harvard Medical School. Ela tem doutorado pela Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto, além de ser colaboradora do Departamento de Enfermagem da Sociedade Brasileira de Diabetes. A enfermeira também desenvolve pesquisas nas áreas da Educação em Diabetes; Estratégias Lúdicas e; Diabetes tipo 1.

Já Gabriela é Mestre em saúde, tem MBA em gestão, além de ser educadora em Diabetes e coordenadora do Departamento de Enfermagem da Sociedade Brasileira em Diabetes. A enfermeira também é empreendedora e sócia do IBTED – Tecnologia e Educação em Diabetes.

De acordo com a professora Elaine Valias Sodré Pereira a webconferência foi realizada para os alunos do 4º e 8º semestres com o intuito de discutir melhores práticas de Enfermagem no contexto mundial. “As duas enfermeiras são referências na área, integrantes da Sociedade Brasileira de Diabetes. A Gabriela estava em São Paulo e a Rebecca em Boston, onde continua suas pesquisas na área”, explica a docente.

Entre os temas abordados estiveram: tecnologia e inovação na área; prevenção e cuidado com as gestantes; práticas em pesquisa; estigma enfrentado pelo paciente no Brasil; importância do enfermeiro na capacitação do autocuidado do paciente diabético; boas práticas do SUS quando comparado aos outros países e qualidade de vida do paciente.

“Ao final, elas reforçaram a importância do enfermeiro criador de pontes na equipe multiprofissional e como medidas realizadas como a nossa aula reforçam a ideia de que somos plural”, destaca a professora Elaine.

Por fim, a docente indica um dos trabalhos das palestrantes convidadas sobre o tema. “Elas têm um trabalho educativo nas redes sociais chamado @diabetes_enf, uma página que traz informações e atualizações na área para pacientes e profissionais da saúde”, conclui Elaine.

 

Confira a palestra pelo link: Experiências exitosas no cuidado de enfermagem a pessoas com Diabetes Mellitus

 

Texto: Tatiane Dias – (MTB 67029)